Eventos

ÚLTIMAS DA UPPER RUN



E quando o treino precisa ser na esteira…Em nosso dia a...



E quando o treino precisa ser na esteira…

Em nosso dia a dia, o que mais temos são motivos para não treinarmos: horários estendidos no trabalho, viagens, questões pessoais, trânsito e por aí vai. E é aí que entra esta importante aliada para evitar que você deixe de treinar: a esteira! E ela pode também ser usada ainda como um recurso para os treinos em dias frios, quentes demais ou chuvosos.

Mas a esteira vai além, se a encararmos como uma ponte estratégica para o início da vida como corredor, já que a corrida possui um percentual muito alto de lesão (Lopes, A.2014). Este equipamento traz ainda uma vantagem para o processo dos iniciantes em corrida: os amortecimentos: ela proporciona a minimização dos impactos comparados com a corrida no asfalto.

O leque de possibilidades para se adquirir uma esteira são enormes: você encontra equipamentos a partir de pouco mais de 1 mil Reais até R$ 40 mil. Todas essas opções e níveis diferentes de produtos têm correlação com a capacidade de minimizar os impactos no corpo durante o uso.

Apesar de ser um dos equipamentos mais conhecidos dentro das academias, ainda flagramos alguns erros comuns em todos os praticantes: andar ou correr segurando no equipamento e o baixo nível de atenção, causado pela monotonia do exercício. Assim, acidentes na esteira ocorrem com frequência e, para se prevenir, foque na técnica e na respiração: duas frentes muito importantes na corrida.

Como em qualquer exercício físico, o aquecimento antes é primordial: comece com velocidades menores e vá aumentando a velocidade de maneira contínua. Dessa forma, você vai aumentando gradativamente a frequência cardíaca, elevando a temperatura corporal, aumentando a circulação sanguínea e, como consequência imediata, diminuindo os riscos de lesão.

O tempo de aquecimento pode variar conforme a temperatura do ambiente: quanto mais baixa a temperatura, mais tempo de aquecimento é recomendado. Mas, lembre-se de procurar orientação de um profissional de Educação Física formado. Um profissional especializado tem mais capacidade de prescrever exercícios físicos com qualidade.

Bons treinos!
Adriano Cunha

FALE HOJE MESMO COM PROFISSIONAIS
QUE SÃO REFÊRENCIA EM CONSULTORIA ESPORTIVA NO BRASIL

CONTATO